Marketing

Marketing de afiliados: como começar e ganhar mais dinheiro

Uma estratégia de relacionamento pode ser o que estava faltando para aumentar o tráfego e suas vendas. Veja como o marketing de afiliados pode te ajudar.

Amanda Pofahl

Latin American Market Expert
27/11/2017

A expansão mundial da internet contribuiu consideravelmente para o aumento das transações comerciais digitais. Assim, a compra de produtos on-line, principalmente através de e-commerces, não para de crescer.

marketing-de-afiliados.jpg

Para você ter uma ideia, no período entre 2012 e 2017, as estatísticas de comércio eletrônico confirmam o ritmo explosivo em que esta indústria se desenvolveu, enquanto as vendas globais de comércio eletrônico B2C (de empresa para o consumidor final) totalizaram mais de 2,1 trilhões de dólares em 2017.

É exatamente nesse contexto em que uma estratégia de relacionamentos ganha muita força, o marketing de afiliados.

Os programas de afiliados têm se convertido em um sistema bastante popular nos comércios eletrônicos, já que até mesmo (e principalmente) as pequenas empresas podem ter acesso a recursos que antes só estavam disponíveis para as grandes companhias.

Confira práticas infalíveis para você aumentar as vendas do seu ecommerce

De acordo com o conceito em si, o marketing de afiliados é uma verdadeira rede de páginas que se unem e comprometem-se a pagar uma certa quantia, previamente definida, sempre que alguma ação que possibilite gerar vendas tenha lugar. Pode ser uma visita ou uma compra, por exemplo, desde que geradas a partir do site de afiliados.

Os programas de afiliados de e-commerces têm como objetivo gerar mais tráfego para uma loja online, graças ao uso de botões com chamadas para ação, banners ou qualquer outro link localizado nas páginas de seus afiliados dentro do site principal.

Definitivamente, o marketing de afiliados é uma ótima ferramenta promocional para sua loja online.

Basicamente, ele funciona da seguinte forma:

  1. O consumidor visita a página do afiliado;
  2. Vê um anúncio de um produto do e-commerce associado;
  3. Clica no link;
  4. Efetua a compra;
  5. O site de origem recebe uma comissão pela visita ou pela compra.

É um sistema muito interessante, uma vez que todas as empresas que fazem parte desta rede de afiliação são beneficiadas.

Cada um dos afiliados possui um código que o identifica para que a comissão possa ser paga e, naturalmente, para que seu e-commerce saiba de onde veio a visita.

Você também pode usar isso para o benefício do seu e-commerce. Vamos ver como?

Como se tornar um programa de afiliados?

É importante destacar que, além de aumentar as visitas da sua página, promover um programa de afiliados também amplia suas chances de vender mais.

As comissões recebidas variam de acordo com o que os afiliados concordaram por contrato. E, para que o marketing de afiliados seja eficiente, é fundamental determinar exatamente qual será a estratégia que seu ecommerce vai usar.

Mais do que a indicação em si, sua página precisa proporcionar uma excelente experiência do usuário, ter preços competitivos e seus relacionamentos devem necessariamente estar pautados por conexões com outras páginas que tenham o público que lhe interesse contactar.

Ainda sobre o público, é preciso que seu target esteja alinhado com o do parceiro para que os produtos, efetivamente, despertem o interesse. No sentido contrário, também é interessante para os afiliados associarem-se a e-commerces que ofereçam produtos afins ao perfil dos seus visitantes.

O marketing de afiliados pode não ser a solução para todos os problemas, mas configura uma excelente oportunidade de ampliar o raio de alcance de um e-commerce, visibilidade e, de quebra, ainda melhorar o posicionamento da loja.

Preste atenção aos resultados

Quando as visitas aumentam, mas as vendas não, é preciso analisar as ações anteriores para identificar pontos a melhorar. Pode ter faltado uma chamada para ação mais eficiente, algum link poderia estar quebrado ou outras interrupções na experiência do usuário.

Tipos de programas de marketing de afiliados

Comissões por vendas: quando uma conversão é feita, o e-commerce paga uma comissão à fonte da visita. Este é o tipo mais comum, principalmente em páginas que focam no consumidor final, modelo B2C (Business to consumer).

Comissões por visitas: As visitas remuneram a origem do clique. Esta alternativa de marketing de afiliados geralmente é bem aceita e tem muita penetração. É preciso tomar cuidado com fraudes e controlar, por exemplo, o IP de cada acesso.

* Para os e-commerces internacionais que vendem para o brasil, é uma boa forma de ganhar visibilidade com o público local, ainda que sua página esteja nos Estados Unidos, por exemplo, e ainda não seja tão conhecida.

Comissões por ação: nesse caso, as campanhas remuneram em funções de ações específicas. Por exemplo, caso você queira promover um produto em particular ou ampliar seus bancos de dados dos clientes.

Na hora de investir em campanhas de marketing de afiliados, e sempre dentro de suas possibilidades, é interessante dar aos parceiros a chance de obter uma comissão simbólica pelas visitas e uma comissão maior por ação e/ou vendas específicas.

Desta forma, você pode aumentar rapidamente sua rede de afiliados em um curto espaço de tempo, permitindo verificar quais são as páginas com maior taxa de conversão de visitas em vendas.

Como desenvolver um programa de afiliados?

Existem duas maneiras de formar de um programa de afiliados, criá-lo você mesmo ou contratar uma empresa terceira para desenvolver a estratégia.

Criação própria e autogestão

Seu e-commerce pode desenvolver o próprio programa de marketing afiliados, desenvolvendo um software para tanto. Ainda quando se esteja desenvolvendo o recurso, você já pode começar a buscar empresas, páginas e pessoas que possam se interessar pelas suas propostas. Também é uma boa hora para pensar como os pagamentos serão realizados.

Esta opção é mais interessante se você já tiver contatos anteriores com potenciais afiliados que geram muito tráfego para seu e-commerce ou tenham um grande público que o ajude a contactar mais afiliados potenciais para que sua web e marca sejam reconhecidas

Empresa externa

Outra opção na hora de desenvolver a estratégia de marketing de afiliados é contratar uma empresa externa que administre todo o processo (afiliados, pagamento de comissões, software necessário e etc).

Certifique-se de que é uma empresa confiável e com experiência. Um ponto que você deve ter em mente é planejar junto com esta empresa sua estratégia, pois você entende melhor o funcionamento do seu negócio do que qualquer um.

O custo é maior do que se seu e-commerce fizer isso por conta própria, mas, por outro lado, oferece duas vantagens muito importantes:

  • Empresas especializadas têm um portfólio de sites interessados em participar de programas de afiliados, o que torna o processo de busca e escolha muito mais fácil;
  • O assessoramento elimina os erros mais comuns de quem tenta começar por conta própria e a contratada ajuda na criação e gerenciamento de estratégias. Ou seja, todo o processo fica mais fácil e atinge melhores resultados, mais rápido.

Os programas de afiliados são uma ferramenta muito promissora para a expansão de e-commerces, principalmente os que não contam ainda com uma presença de marca no mercado nacional. 

Então, convencido a melhorar o alcance das vendas do seu e-commerce ou a começar o seu próprio programa de afiliados?